Buscar
  • pedrohenrique993

Na estreia da Bezinha, Flamengo arranca empate em Jundiaí - Por Pedruvisk


(Foto/Reprodução: Lolê Arts/Facebook)


Sejam bem-vindos novamente, sócios-cooperados e amantes do #TimeDaCidade! Desta vez, iremos falar sobre a estreia do time profissional do Flamengo Guarulhos pelo Campeonato Paulista Segunda Divisão, contra o Paulista de Jundiaí, que foi realizado na tarde de ontem (21), no estádio Jayme Cintra.


PRIMEIRO TEMPO

O Flamengo Guarulhos se reforçou muito bem para a competição. Uma tarde muito quente e seca na cidade de Jundiaí não foi empecilho para a equipe, que desde o início, impôs o seu ritmo de jogo com muita posse de bola, finalizando muito bem e fazendo o goleiro da equipe paulistana suar a camisa. A pressão não demorou muito para o Galo da Japi ceder. Aos 10 minutos, em uma cobrança de lateral feita por Isaías, que, na realidade, foi um cruzamento - A bola chegou dentro da pequena área, que quicou no chão e subiu na medida certa para o camisa 11, Arian, ganhar da marcação e chutar com força a bola, estufando as redes do tricolor jundiaense, que nada pode fazer. O primeiro gol flamenguista no campeonato de 2021 estava marcado, assumindo o placar da partida. O esquema tático do 3-4-3 de Marcelo Marelli em atacar fez com que o Paulista sentisse a equipe rubro negra mandar na partida. Ainda que com grandes chances, o Flamengo não conseguiu ampliar o placar, por méritos da zaga do Galo.


Foto/Reprodução: Lolê Arts/Facebook)


SEGUNDO TEMPO

O Paulista de Jundiaí voltou melhor na segunda etapa. Pressionando a saída de bola da equipe rubro-negra, foi visto muita solidez no sistema defensivo do Flamengo, além de diversos lançamentos para um contra ataque quase que mortal, todavia, a zaga tricolor estava bem atenta na etapa complementar. Aos 29 minutos do segundo tempo, a única maneira que o Paulista encontrou de marcar o gol de empate foi pela bola parada. Em cobrança de falta no canto direito da grande área, Marquinhos chutou por baixo da barreira flamenguista, que saltou no momento da finalização, deixando assim o goleiro Cabral sem chances de defesa. O placar estava empatado no Estádio Jayme Cintra, 1 a 1, que se manteve até o apito final do árbitro, mesmo com grande pressão do Galo tricolor. 1 ponto valioso para a equipe guarulhense, que sabe que não perder fora de casa é um grande passo para chegar na próxima fase.


Foto/Reprodução: Lolê Arts/Facebook)


OPINIÃO – Pedruvisk:

“O time do Flamengo Guarulhos mostrou um futebol sólido e muito bem jogado. Os comandados por Marcelo Marelli se impuseram o jogo todo, dando claros sinais de que o acesso e o título da competição podem vir. Ainda que muitas batalhas estão por vir, o Flamengo está preparado para enfrenta-las e sair vitorioso de todas elas. A palavra-chave desse time é consistência.”


Craque do jogo CICOM:

O primeiro jogador da HISTÓRIA do time PROFISSIONAL do AA Flamengo Guarulhos a receber o prêmio de Craque do jogo CICOM é o autor do nosso gol na partida de ontem, o camisa 11, Arian! Além do belo gol marcado que nos deu o empate longe de nossos domínios, apoiou muito bem defensivamente e criando grandes oportunidades para o ataque. Parabéns, Arian!

Notas dos Jogadores - Paulista Futebol Clube (PTA):

1- Gustavo (GOL) (6,5)

2- Marquinhos ⚽️ (7,5)

4- Alex Sandro (7,0)

5- Vinicius (6,5)

6- Daniel (7,0)

7- Julio Cesar (6,0)

8- Igor ⬇️ (6,5)

9- Henry ⬇️ (5,0)

10- Carlos Eduardo ⬇️ (6,5)

11- Pablo ⬇️ (5,0)

15- Evandro (6,0)

Reservas:

12- Gabriel (GOL) ( - )

3- Handerson ( - )

13- Gustavo Xavier ⬆️ (6,5)

14- Davi ( - )

16- Bruninho ⬆️ (7,0)

17- Miqueas ⬆️ (6,5)

18- Antonio Augusto ⬆️ (7,0)

Técnico: Ricardo Rafael dos Santos (7,0)

Nota Geral (PTA): (7,5)


Notas dos Jogadores - AA Flamengo Guarulhos (AAF):

1- Cabral (GOL) (6,5)

2- Ítalo (6,5)

3- Murillo (7,0)

4- Barreto (6,0)

5- Renato (6,5)

6- Isaías (7,5)

7- Justino (C) ⬇️ (7,5)

8- Humberto ⬇️ (8,0)

9- Brunão ⬇️ (8,0)

10- Vilares ⬇️ (7,0)

11- Arian ⚽️⬇️ (9,0)

Reservas:

12- Geílson (GOL) ( - )

13- Igor Salatiel ⬆️ (7,0)

14- Ian ⬆️ (6,5)

15- Juninho ⬆️ (6,5)

16- G. Crippa ( - )

17- Dener ⬆️ (7,0)

18- M. Bilatto ⬆️ (6,5)

Técnico: Marcelo Marelli (8,0)

Nota Geral (AAF): (7,5)


Notas - Arbitragem:

Árbitro: Caio Cesar da Costa Mello (7,0)

Árbitro Assistente 1: Ademilson Lopes da Silva Filho (6,5)

Árbitro Assistente 2: Alison Alberto dos Santos (6,5)

Quarto Árbitro: Alef Feliciano Pereira (7,0)

Nota Geral (Arbitragem): (7,0)


Cartões Amarelos (Advertências):

2°T - 66 minutos: 1- Cabral (AAF) - Motivo: Retardar o reinício do jogo.

2°T - 72 minutos: 2- Ítalo (AAF) - Motivo: Ação temerária.

2°T - 75 minutos: 10 - Carlos Eduardo (PTA) - Motivo: Ação temerária.


Cartões Vermelhos (Expulsões):

Não houve expulsões.


Lesões:

Não houve lesões.


Estatísticas:

Gols (AAF): 10' - Arian (11).

Gols (PTA): 29' - Marquinhos (2).

Faltas (PTA): 16 faltas.

Faltas (AAF): 14 faltas.

Total de faltas: 30 faltas.

Tempo de bola rolando no 1°T: 37 minutos.

Tempo de bola rolando no 2°T: 32 minutos.

Tempo total de bola rolando na partida: 69 minutos.


Foto/Reprodução: Lolê Arts/Facebook)


Sobre a CICOM

A CICOM é umas das cooperativas que atuam no estado de São Paulo promovendo o acesso social às habitações. O processo começa com a identificação de um terreno adequado a um projeto habitacional. Na sequência, inicia-se a abertura de cadastramento para que pessoas interessadas se unam com o objetivo de fazer as aquisições dos imóveis. Os cooperados acompanham todas as etapas envolvidas desde o início. Após este processo é desenvolvido o projeto de engenharia e, então, a cooperativa se encarrega de realizar arrecadações entre seus cooperados ou ainda, de buscar crédito e então contratar uma empresa construtora para executar as obras. A cooperativa dispõe hoje de diversos dispositivos de segurança que garantem a confiabilidade no processo, extinguindo mitos e conceitos que antes colocavam em dúvida os investimentos.

Coluna escrita por Pedro Piquetti “Pedruvisk” – Comentarista esportivo e amante do futebol em geral desde 2000.

15 visualizações0 comentário